Quais sintomas do câncer de mama?

Quais sintomas do câncer de mama

O câncer de mama é um tipo de tumor maligno que afeta tanto homens quanto mulheres, porém, a prevalência é no sexo feminino. A estimativa para 2020, de acordo com o INCA (Instituto Nacional do Câncer) é que surjam mais de 65 mil novos casos. O número de mortes de mulheres é de quase 17 mil de acordo com dados de 2017. É o que mais mata mulheres no mundo. 

O câncer nada mais é do que uma multiplicação de células que possuem algum tipo de “defeito”. Elas passam a se dividir de maneira descontrolada e com erros, desenvolvendo assim o tumor que pode ser benigno ou maligno. No último caso, temos o câncer.

A melhor forma de prevenção e de tratamento começa pela informação. Por isso, confira abaixo tudo o que você precisa saber sobre o câncer de mama!

Quais são os fatores de risco?

O que leva uma pessoa a ter câncer de mama? Há a probabilidade genética, por exemplo, ter um parente de 2º ou 3º com a doença, 2 parentes de 1º grau com a doença, sendo que um deles teve o diagnóstico após os 45 anos, 2 ou mais parentes de 1º grau com câncer de mama e assim por diante.

Mas não é só a genética que conta, afinal de contas, sabemos que o câncer não tem apenas causa genética. Há um conjunto de fatores que pode desencadear a doença. Confira abaixo quais são essas outras variáveis.

Menopausa tardia

Quanto mais tempo a mulher menstrua, mais estrógeno é produzido e isso deixa a glândula mamária exposta a mais risco. Com o avançar da idade as células vão ficando mais velhas e com isso, as chances de ocorrer uma multiplicação celular desordenada é perfeitamente normal.

Reposição hormonal

Já está comprovado que a reposição hormonal é um tratamento que aumenta o risco de câncer. Portanto, é indicado fazer esse tratamento apenas se todas as outras medidas já foram utilizadas.

Idade

As mulheres entre 40 e 49 anos são as principais vítimas do diagnóstico de câncer de mama. A partir dos 50 anos, a probabilidade só aumenta.

Há também outros fatores como menstruação precoce, obesidade, colesterol alto, lesões de risco, não ter engravidado e já ter tido um tumor na mama em outro momento.

Confira também as nossas 4 dicas para prevenir o câncer de mama!

Quais os principais sintomas do câncer de mama?

O ideal é que você não espere sentir algo para ir ao médico, mas sim que faça exames periodicamente para evitar ou identificar com antecedência qualquer sinal. Mas como sabemos que a nossa saúde culturalmente é de cura e não de prevenção, segue abaixo os sinais e sintomas característicos do câncer de mama:

  • alteração nos mamilos;
  • secreção escura saindo dos mamilos de forma involuntária;
  • vermelhidão e inchaço;
  • pele enrugada como uma casca de laranja;
  • ferida na mama;
  • formação de nódulos que são aparentes que podem aparecer na mama ou nas axilas.

Lembrando que os sinais e sintomas dependem do estágio em que a doença se encontra. Quando o tumor é perceptível ao toque significa que já é uma lesão grande. O grande problema do câncer de mama, assim como o de outros cânceres, é que nos estágios iniciais a portadora pode não sentir nada e assim, a doença vai se agravando sem que se note o perigo.

Como tratar?

O câncer de mama tem cura a depender do estágio. O diagnóstico precoce é de grande ajuda e o tipo de tratamento vai levar em consideração não só o estágio da doença, mas também a presença ou não de receptores hormonais e também se já houve ou não metástase.  Nesse momento, o mais importante é seguir todas as orientações do seu médico, principalmente quanto ao uso das medicações.

Entenda por que a mamografia é de extrema importância para a prevenção do câncer de mama!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezesseis − 10 =