Compre pelo WhatsApp

Como prevenir o câncer de ovário?

Como prevenir o câncer de ovário?

Como prevenir o câncer de ovário?

O câncer de ovário é a segunda doença ginecológica mais comum entre as mulheres, atrás apenas do câncer do colo do útero. Sabe-se que a doença está relacionada à idade e aos fatores hormonais, ambientais e genéticos.

Como identificar e diagnosticar o câncer de ovário?

Câncer de ovário é o câncer ginecológico mais difícil de ser diagnosticado e é o mais letal. Sua incidência está associada a fatores genéticos, hormonais e ambientais. O histórico  familiar é o fator de risco isolado mais importante (cerca de 10% dos casos). O tumor pode acometer a mulher em qualquer idade, mas é mais frequente depois dos 40 anos.

Para saber se uma mulher possui propensão à doença, é preciso fazer um teste genético. Em caso positivo, os médicos recomendam a realização de ultrassonografia transvaginal e a pesquisa do marcador tumoral CA125 para detectar a doença em estágio inicial.

As mulheres devem estar atentas aos fatores de risco, manter o peso corporal saudável e consultar regularmente o seu médico, principalmente a partir dos 50 anos.   

 

Como prevenir o câncer de ovário? - Life medicamentos | Farmácia online de medicamentos especiais - Of4FJsiReou JJDXPZlHhPckB9EfjDpUGFfM9Ohxx2i7ilyreqLu5QEsQWLVFeJJuvTSKRppR RxJjueu3Rgn6A49 LYHdPPo2L8qd2hBEKQjJtDiwtuOfo4 gw1rlgoLQ
(O câncer de ovário atinge, em sua maioria, mulheres com mais de 40 anos)

Como ele é causado?

A causa da maioria dos casos de câncer de ovário ainda é desconhecida. O que se sabe é que alguns fatores de risco tornam a mulher mais propensa a desenvolver câncer de ovário. Mas, ainda não se conhecem os fatores de risco para câncer e tumores dos ovários.

O risco de desenvolver câncer de ovário é considerado alto quando a mulher possui parentes de primeiro grau que já tiveram a doença, ou quando se identifica que ela é portadora de alteração genética. 

Como prevenir o câncer de ovário? - Life medicamentos | Farmácia online de medicamentos especiais - s72PPDpehP2q3Ms0VWwiCce8S64uAWuOYrZEnL 7IOnkxPFXtiTQ49thbHJGYaogLsBfygDBzPGlJTDI64ycHGII7QdOEwHaZaNXpq ehgJZ RdSkLF52EXuDo4X E9y9w
Ovário saudável à esquerda e câncer à direita

3 maneiras de prevenir o câncer de ovário

1- O uso de pílulas anticoncepcionais diminui o risco de câncer de ovário para mulheres com risco médio e portadoras de mutações no gene BRCA. As mulheres que fizeram uso por 5 anos ou mais têm um risco diminuído em 50% em comparação com mulheres que nunca usaram contraceptivos orais.

2- Tanto a laqueadura tubária como a histerectomia podem reduzir a chance de desenvolver câncer de ovário, mas essas cirurgias só devem ser feitas por razões médicas. 

Se você precisar fazer uma histerectomia por razões médicas e tem um histórico familiar de câncer de ovário ou de mama, deve considerar a retirada dos ovários e das trompas de Falópio, como parte desse procedimento. 

3- Mulheres que têm filhos estão menos propensas a ter câncer de ovário em relação às que não geraram. Em fase de amamentação, as chances de desenvolver a doença são ainda menores, já que amamentar retarda a ovulação e, consequentemente, diminui o nível de hormônios no organismo. De acordo com especialistas, quanto maior o número de ovulações, maior o risco do aparecimento de tumores;

Entenda como é o tratamento do câncer de ovário

O tratamento inicial para o câncer de ovário estágio I é a cirurgia para a retirada do tumor. Na maioria das vezes o útero, as trompas de Falópio e os ovários são retirados

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é thl5AeGZOHj7zNi61KC5W4kjuB1FramZBu8cArSSUafufB81Zgj-DBSA13Cr-wOw--2h4wuOWQ3jfwu3NAgukZBY_SX4mKKmHIq24DDvw503ybapEWl-F6TLxKQAp1abow
Estágio I

Para os tumores estágio II, o tratamento começa com a cirurgia para estadiamento e diminuição do tamanho do tumor. Isso significa a retirada do máximo de volume possível do tumor. Após a cirurgia, são indicados pelo menos 6 ciclos de quimioterapia.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é WVwrd_egH5SPGcg1SeDgLmbAqMpy5_9T2cd8xz0LTtLxY_oIXcemorXMWfSHprnT62T1V0YtDKcBsisJW-uBbo2WQWZc63IIkHhC44lzyEmhioMXE50JQD6cu3v1EvMgVQ
Estágio II

Os cânceres do estágio III recebem as mesmas terapias que o estágio II. Após a cirurgia, e durante e após a quimioterapia, devem ser realizados exames de sangue para verificação do marcador tumoral CA-125 e exames de imagem para avaliar a resposta ao tratamento.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é aBIg1pIuT3Fv74wMw4ve8t3SuFZKsuDguKKWhjkmE_Xohj2bYoDimlN34IeNXWVzh8dlGVMdPABzarxtji9oB3-ge9F02JYr9VuldO8G2c_8r1D6zwpbACVAPXCmDA6hQw
Estágio III

No estágio IV, a doença se disseminou para outros órgãos, como fígado, pulmões ou osso. Nesse estágio, a cura já não é possível com os tratamentos atuais, mas, ainda assim podem ser tratados. Os objetivos do tratamento são ajudar as pacientes a se sentirem melhor.

Como prevenir o câncer de ovário? - Life medicamentos | Farmácia online de medicamentos especiais - uyqAse3r 7Fm5Qek2i6ZQBlHoaOvsjfBDj1zwh27Zs04Sv4
Estágio IV

  

O câncer de ovário ainda não possui cura, mas como vimos, existem maneiras de prevenir-se e tratamentos eficientes que garantem uma melhor qualidade de vida para as mulheres que o desenvolveram.

Clique aqui e navegue pelo nosso site e encontre os medicamentos que você precisa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *