Compre pelo WhatsApp

Dezembro Laranja – Campanha de Prevenção ao Câncer de Pele

Dezembro Laranja – Campanha de Prevenção ao Câncer de Pele - Life medicamentos - iStock 1129725365 1110x793 1

Você sabia que este mês foi intitulado como Dezembro Laranja? Isso mesmo, a campanha foi criada em 2014, pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, com o objetivo de prevenir o câncer de pele, que é o tipo da doença mais incidente no Brasil, com cerca de 180 mil novos casos ao ano. Quando descoberto no início, tem mais de 90% de chances de cura, segundo dados da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).

Desde então, sempre no último mês do ano, diferentes ações são realizadas em instituições públicas e privadas, para informar e alertar a população sobre formas de prevenção e recomendações para incentivar o diagnóstico e tratamento precoce.

O que é

O câncer da pele responde por 33% de todos os diagnósticos desta doença no Brasil, sendo que o Instituto Nacional do Câncer (INCA) registra, a cada ano, cerca de 185 mil novos casos. O tipo mais comum, o câncer da pele não melanoma, tem letalidade baixa, porém seus números são muito altos. A doença é provocada pelo crescimento anormal e descontrolado das células que compõem a pele. Essas células se dispõem formando camadas e, de acordo com as que forem afetadas, são definidos os diferentes tipos de câncer. Os mais comuns são os carcinomas basocelulares e os espinocelulares, responsáveis por 177 mil novos casos da doença por ano. Mais raro e letal que os carcinomas, o melanoma é o tipo mais agressivo de câncer da pele e registra 8,4 mil casos anualmente.

A doença pode ser dividida em dois tipos:

  • Não melanoma:

É o tipo menos agressivo, com altas chances de cura quando descoberto no início e o mais frequente no mundo, cerca de 97% dos casos.

  • Melanoma

Um dos mais agressivos de todos os tumores malignos, costuma disseminar rapidamente para outros órgãos e quem possui histórico familiar têm mais chance em ter a doença.  Embora o diagnóstico de melanoma normalmente traga medo e apreensão aos pacientes, as chances de cura são de mais de 90%, quando há detecção precoce da doença.

SINTOMAS

O câncer da pele pode aparentar em pintas, eczemas ou outras lesões benignas. Assim, conhecer bem a pele e saber em quais regiões existem pintas, faz toda a diferença na hora de detectar qualquer irregularidade.

  • Câncer de pele não melanoma:

Feridas que sangram e não cicatrizam, localizadas principalmente em pele exposta ao sol, cicatrizes antigas e úlceras crônicas.

  • Câncer de pele melanoma:

Sinais antigos, normalmente localizados no tronco em homens, e na perna em mulheres.

Afinal, como se prevenir?

Pensando na sua saúde, cuidado e bem-estar, separamos uma lista de cuidados que você pode ter para se prevenir do câncer de pele.

  • Hidrate-se, beba bastante água sempre.
  • Protetor solar: tenha como seu melhor amigo, utilize todos os dias, aplicando a cada duas horas.
  • Evite exposição ao sol no horário entre 10h e 16h.
  • Tenha uma boa alimentação, frutas, legumes e verduras possuem nutrientes que ajudam a diminuir os danos do sol na pele.
  • Utilize sempre que possível, boné, chapéu e filtro solar.
  • Visite regularmente um médico dermatologista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *