Bonefos 400mg

Caixa com 30 cápsulas


    Descrição:

  • Fabricante: Bayer
  • Registro MS: 1.7056.00370020
  • Principio ativo: Clodronato dissódico
  • Conservação: Ambiente
Para mais informações sobre este produto consulte nosso atendimento:

(11) 4433-4215

Enviar Mensagem

Fora de estoque

Bonefós®
clodronato dissódico

APRESENTAÇÕES:
Cartucho contendo frasco com 30 cápsulas de 400 mg de clodronato dissódico cada.

USO ORAL

USO ADULTO

COMPOSIÇÃO:
Cada cápsula contém clodronato dissódico tetraidratado correspondente a 400 mg de
clodronato dissódico.Excipientes: talco, estearato de cálcio, dióxido de silício e lactose.

INFORMAÇÕES AO PACIENTE:

1. PARA QUE ESTE MEDICAMENTO É INDICADO?
Bonefós (clodronato dissódico) está indicado no tratamento de distúrbios ósseos
decorrentes de doenças malignas, inibindo a destruição óssea anormal.
Converse com o seu médico para obter maiores esclarecimentos sobre a ação do produto e
sua utilização.

2. COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?
Bonefós (clodronato dissódico) pertence a um grupo de medicamentos chamado de bisfosfonatos. Bonefós (clodronato dissódico) liga-se estreitamente ao osso e bloqueia a função das células que reabsorvem o osso. Isto fortalece os ossos, ajuda a aliviar a dor óssea e prevenir futuros problemas com seus ossos (como fraturas). Ele também previne a liberação excessiva de cálcio para o sangue (hipercalcemia).

3. QUANDO NÃO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?
O medicamento é contraindicado para pacientes que apresentam hipersensibilidade (alergia) ao clodronato dissódico ou a qualquer um dos demais componentes do produto e para aqueles em tratamento com outros bisfosfonatos (medicamentos que ajudam a prevenir a perda de cálcio dos ossos).

4. O QUE DEVO SABER ANTES DE USAR ESTE MEDICAMENTO?
Você deve ingerir bastante líquido durante o tratamento com Bonefós (clodronato dissódico), ou se sofrer de hipercalcemia (aumento de cálcio no sangue) ou problemas renais graves (insuficiência renal).
Bonefós (clodronato dissódico) deve ser utilizado com cautela em pacientes com insuficiência renal.

Em pacientes com câncer recebendo tratamento com bisfosfonatos orais ou intravenoso (medicamentos que ajudam a prevenir a perda de cálcio nos ossos), pode ocorrer osteonecrose (morte de um segmento do osso normalmente causado pela insuficiência de fluxo sanguíneo na região do esqueleto) de mandíbula, geralmente associado com extração do dente e/ou infecção local, incluindo osteomielite (infecção
do osso). Muitos dos pacientes que desenvolveram osteonecrose de mandíbula durante a terapia com bisfosfonato também estavam recebendo quimioterapia (tratamento para câncer que utiliza agentes ou drogas específicas) e corticosteroides (drogas que assemelham-se ao cortisol, hormônio necessário para o funcionamento das glândulas adrenais).
Seu médico pode lhe orientar sobre a necessidade de tratamento odontológico preventivo antes do tratamento com Bonefós (clodronato dissódico), se você tiver algum risco (por exemplo, devido a câncer, quimioterapia, radioterapia, corticosteroides, pouca higiene dental). Você deve evitar procedimentos dentários invasivos enquanto você estiver sendo tratado com Bonefós (clodronato dissódico).
Fraturas subtrocantéricas atípicas e diafisárias femorais (fraturas incomuns do osso da coxa) foram relatadas com o uso de outros bisfosfonatos que não o Bonefós® (clodronato dissódico), principalmente em pacientes em tratamento de osteoporose por longo período. Até o momento, essas fraturas não têm sido relatadas com Bonefós® (clodronato dissódico). Se houver suspeita de fratura incomum no osso da
coxa, o seu médico deverá considerar cuidadosamente se sua terapia com bisfosfonatos deverá ser interrompida.
Entre em contato com seu médico se sentir qualquer tipo de dor, fraqueza ou desconforto na coxa, quadril ou virilha, uma vez que pode ser um sinal precoce de fratura no osso da coxa. Seu médico irá realizar os testes necessários e irá aconselhar com relação aos resultados (veja também “Quais os males que este medicamento pode me causar?”).

- Crianças e idosos
Bonefós (clodronato dissódico) não deve ser utilizado por crianças, pois a segurança e eficácia não foram estabelecidas em crianças. Não existem recomendações especiais para idosos. Estudos clínicos incluíram
pacientes com idade superior a 65 anos e nenhuma reação adversa específica desta faixa etária foi relatada.

- Gravidez e lactação
Bonefós (clodronato dissódico) não deve ser utilizado por mulheres grávidas. O clodronato atravessa a barreira placentária em animais, porém não se sabe se ele passa para o feto em humanos ou se pode causar danos ao feto ou se afeta a reprodução em humanos.

Não se sabe se o clodronato é excretado com o leite materno. Não é recomendado amamentar durante o tratamento com Bonefós (clodronato dissódico). “Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica. Informe imediatamente seu médico em caso de suspeita de gravidez.”
- Habilidade para dirigir e operar máquinas O efeito de Bonefós (clodronato dissódico) na habilidade de dirigir e operar máquinas não é conhecido.

"AO PERSISTIREM OS SINTOMAS O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO. ESSE PRODUTO É UM MEDICAMENTO E SEU USO INDEVIDO PODE TRAZER RISCOS. PROCURE SEMPRE A AJUDA DE UM MÉDICO OU FARMACÊUTICO. LEIA A BULA."