Compre pelo WhatsApp

Os 5 maiores riscos da automedicação à nossa saúde

automedicação

Com a grande facilidade à informação o que temos atualmente são pessoas buscando informação sobre medicamentos na internet. O problema é que, mesmo tendo acesso às informações corretas, os medicamentos podem agir de forma diferente de pessoa para pessoa.

O que é a automedicação?

É bastante comum ter em casa um estoque de comprimidos e pílulas para amenizar as dores mais diversas. Porém, o alívio dos sintomas após a automedicação nem sempre significa que houve um tratamento adequado.

Essa prática diz respeito ao consumo excessivo e frequente de remédios, inclusive quando há prescrição médica. Nesses casos, é bastante comum que o paciente não respeite a dosagem recomendada, bem como os intervalos de uso.

A automedicação é o ato de ingerir remédios por conta própria para aliviar sintomas. Esse é um costume muito perigoso e deve ser evitado. Os riscos da automedicação são enormes, podendo ir desde a ineficácia de um tratamento a danos seríssimos à saúde.

Segundo as pesquisas, mais de 79% das pessoas com mais de 16 anos admitem tomar medicamentos sem prescrição médica ou farmacêutica. Até 2050, tomar medicação sem prescrição médica pode matar até 10 milhões de pessoas, em todo o mundo. 

Tomar medicamentos sem recomendação médica pode ser muito prejudicial a saúde por diversos motivos, como mascarar a doença, dificultando o diagnóstico e tratamento precoce, pode expor o paciente a efeitos colaterais indesejados, a interações medicamentosas, agravar algum problema prévio de saúde, além de facilitar a administração de maneira inadequada. 

Os 5 maiores riscos da automedicação à nossa saúde - Life medicamentos | Farmácia online de medicamentos especiais - woman s hand pours medicine pills out bottle 1150 14190

Os principais perigos da automedicação

Automedicar-se pode provocar diversos problemas para sua saúde. Confira os 5 maiores riscos:

1- Intoxicação. Usar doses inadequadas de remédios pode causar diversos impactos na saúde, desde a ineficácia do tratamento, até a overdose da substância no organismo, que leva a intoxicação.

2- Falência hepática. Muitos medicamentos que você toma são processados no  fígado e, quando ele é sobrecarregado com uma medicação desnecessária ou acima da dose que deveria ser tomada, ele começa a se danificar.

3- Dependência. 

Algumas substâncias proporcionam mais chances de vício quando tomadas em doses incorretas e por tempo além do indicado por um médico.

4- Reação alérgica. Ingerir medicamentos que não foram prescritos por um profissional da saúde pode causar reações não esperadas no organismo.

5- Resistência ao medicamento. O uso indiscriminado de um remédio pode facilitar o aumento da resistência dos microrganismos àquela substância. Os antibióticos, por exemplo, podem prejudicar a eficácia de tratamentos em infecções futuras.

Os 5 maiores riscos da automedicação à nossa saúde - Life medicamentos | Farmácia online de medicamentos especiais - BzKLT2cqpOCQ4 y3XDUp7jNQaP3ic
Os 5 maiores riscos da automedicação à nossa saúde - Life medicamentos | Farmácia online de medicamentos especiais - t93P8WDoNNoXWJ9p0CuSuGnOqXwPatJwhdg0r5OB8lxbOPjKo7j CHSQkwSiwXGyb2sSQSxX4BLPyVkjt7NEf1l3OLd bhGBZUsdMPnejlYuWMfsu 0AIHwSpEG1I31qcn4NeRD

O que deve se fazer antes de tomar um remédio?

Ingerir uma medicação é uma grande responsabilidade, por isso, deve ser feita com atenção e saber das seguintes questões:

– Conheça os efeitos colaterais do remédio. Antes de tomar qualquer medicamento, leia a bula e informe-se junto do médico sobre quais os efeitos colaterais do medicamento.

– Anote os horários das doses. Os horários das doses são muito importantes para garantir a correta atuação do medicamento, e por isso é recomendado que registre num papel os horários das doses. Desta forma, podem ser evitados erros que conduzam a superdosagem.

– Consumir apenas remédios recomendados pelo Médico. Você deve tomar remédios receitados pelo médico ou pediatra, e nunca medicamentos recomendados por farmacêuticos, vizinhos ou amigos.

Os 5 maiores riscos da automedicação à nossa saúde - Life medicamentos | Farmácia online de medicamentos especiais - TvHApk30aJa x3IpS kBIqBJ0C0z1myfgxFNIa6okAcMb1P7aF3W7KYXmrWNpUS snsuMMPXo8WdtAgO4Gd9MiNgGUPgwjSx1C4I3HdoA e

Como ingerir um medicamento corretamente?

É importante saber se o remédio deve ou não ser tomado junto com alimentos ou líquidos, uma vez que isso pode influenciar a forma de atuação do medicamento no organismo e a intensidade dos efeitos colaterais.

Abrir as cápsulas para facilitar a deglutição é uma prática totalmente inadequada e contra indicada, pois a capa serve para evitar que a droga seja atacada pelo suco gástrico. 

Tomar remédios à seco não é errado, mas não é o ideal. Além de ser desconfortável, a absorção pode ser iniciada no esôfago, que possui pH diferente do estômago, podendo levar a alterações na ação.

Cada medicamento é diferente, e na bula estão todas as suas especificações e contraindicações. Ler é a melhor forma de não errar ao tomar um medicamento.

Os 5 maiores riscos da automedicação à nossa saúde - Life medicamentos | Farmácia online de medicamentos especiais - GdpkUcgFu8fSSlSJ7vDv1rMxd0isqAXtaLRaCkQXK8477 U11eS cZ8mA7WgpiXSTpYQF9NkOpYFbTF0L0A ezOBLjg8YdmmF 1bRNGzsBiWMM627Hz JS uux

Viu como a informação pode te ajudar a cuidar de sua saúde? Conte sempre com o auxílio de um médico e siga suas instruções de forma correta Aqui na Life nós temos um farmacêutico para te auxiliar no uso correto da medicação. .

Encontre o medicamento que precisa no nosso site! Clique aqui, efetue sua compra e receba em casa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *